domingo, 28 de dezembro de 2008

SILÊNCIO DOS INOCENTES, perdão, dos AMARANTINOS...!

Se a barragem vier, tal como aceitamos o gasóleo e as algas da barragem do Torrão, é tudo uma questão de hábito: primeiro estranha-se depois entranha-se...!


Cá para nós: Amarante (ou os amarantinos?) está a afundar-se ou virada do avesso?


Decorridos largos meses desde que disponibilizamos em http://www.petitiononline.com/PASB2008/petition-sign.html uma petição a enviar à Assembleia da República, as 2792 subscrições registadas até ao presente, situam-nos ainda aquém das 4000 assinaturas legalmente exigidas para a sua discussão em plenário. Onde param os muitos que dizem estar contra a barragem, e o que, ou quem, os intimida?
Com o aval dos que já se assumiram, comparticipamos um pedido de audiência pelo Presidente da República. Quanto ao mais, iremos até onde os nossos conterrâneos nos mandatarem, já que os poderes instituídos e as forças políticas locais continuam fechados que nem ostras, a mando de quem ou a troco do quê (?).

1 comentário:

Jorge disse...

Isto acontece porque a corja de vigaristas que está no poder, sabe que anda a falar para uma cambada de burros, indiferentes, oportunistas e cobardes, que para mal dos nossos pecados são aquilo em que se transformou maioritariamente o povo português.
Quanto ao Sr. Presidente da Câmara, continuo a acreditar que ainda faz parte das minorias,posição no entanto difícil de manter se, rapidamente, não tomar junto do governo uma atitude firme e definitiva contra a intenção criminosa de construir uma barragem em Fridão.
J. Carneiro